Algumas orientações pós operatórias feitas pela nutricionista Allyne Cancilieri

  • Nas primeiras 48 horas é obrigatório que a alimentação esteja na consistência líquida e que estejam em temperatura fria ou gelada para auxiliar na cicatrização.
  • Não consumir alimentos e preparações que sejam a base de alimentos ácidos tais como: kiwi, laranja, abacaxi, limão no primeiro momento do pós operatório (72 horas após a cirurgia).
  • Seguir a orientação de consumo para suplemento nutricional (caso seja necessário) conforme a orientação dada pela nutricionista/médico após avaliação
  • Coma em horários regulares. Fracione sua alimentação de acordo com a prescrição do nutricionista, evitando refeições de grande volume.
  • Alimente-se devagar, em ambiente calmo, mastigando bem os alimentos mesmo sendo liquidificada.
  • Alimentar-se de 2 em 2 horas.

Prefira no pós operatórias:

  • Leite e derivados desnatados: iogurte desnatado, requeijão light, coalhada light, ricota, queijo minas light e cottage.
  • Cereais integrais: farinha de trigo integral, aveia, farelo de aveia, muesli (é um cereal matinal popular à base de flocos de aveia crus, fruta e frutos secos).
  • Hortaliças não flatulentas e cozidas e amassadas: batata, cenoura, chuchu, abobrinha.
  • Aves e peixes: cozidos, moídos, desfiados, purês, assados ou grelhados dar preferência a apresentação cozida e desfiada ou purê sempre que possível.

Evite no pós operatórias:

  • Uso de canudos para ingestão de líquidos.
  • Bebidas com gás: refrigerantes e água com gás.
  • Preparações e bebidas açucaradas: açúcar, geleias, gelatinas, balas, pudins, compotas, doces de frutas ou frutas em conserva, biscoitos, bolos, quitandas, sucos com açúcar, chocolates, bombons, mousses, sorvetes, tortas e chantilly.
  • Alimentos irritativos, temperos industrializados e condimentos como cravo-da-índia, canela, pimenta, catchup, gengibre, noz-moscada, caldos concentrados de carne ou de galinha, vinagre, picles e mostarda.
  • Alimentos que levam à formação de gases: leite em excesso, repolho, couve, couve-de-bruxelas, alho-poró, ovo, feijão, jabuticaba, jaca, goiaba, agrião, ervilha, vagem, soja, lentilha, couve-flor, nabo, rabanete, frutos do mar, pimentão, brócolis, pepino, batata-doce, cebola, milho, melão e melancia.
  • Alimentos e preparações gordurosas: creme de leite, leite de coco, maionese, manteiga, margarina, frituras em geral, massas folhadas, conservas em óleo, preparações sauté, biscoitos recheados, massas com molhos e recheios cremosos.
  • Carnes e derivados gordurosos: torresmo/ toucinho, pele de aves, peixes gordos (sardinha, arenque, salmão, atum), carne bovina gorda (cupim, filé mignon, contrafilé, lagarto), carne de porco, rabada, caldo de mocotó, salsicha, linguiça, bacon, presunto, mortadela, salames, feijoada, estrogonofe, empanados e molhos de carnes.
  • Outros possíveis alimentos potencializadores de flatulência: amendoim, nozes, castanha, avelã, café, chá-preto, adoçante sorbitol, manitol ou frutose.
  • Bebidas estimulantes: café, chá-mate, chá-preto.
  • Deitar após as refeições (para evitar vômitos).
  • Ingestão hídrica durante ou imediatamente após as refeições.
  • Pães duros ou com sementes, biscoitos amanteigados, pastelarias.
  • Bebidas alcoólicas;
  • Consumo de alimentos embutidos (salame, salsichas apresuntados), enlatados e industrializados por 5 dias após a realização da cirurgia;
  • Consumo de fast foods, refrigerantes e carnes goras por 5-7 dias após a realização da cirurgia.

Lembre-se no pós operatórias:

Uma alimentação saudável não tem que ser monótona! Os alimentos podem ser ingeridos ao natural, sob a forma de sucos e temperos ou em diversos tipos de preparações.

Todos os alimentos devem ser consumidos nas quantidades prescritas na dieta. Siga corretamente as orientações, OK? Em caso de dúvidas ou insatisfação retorne ao consultório.

Não mude a prescrição por conta própria, pois as orientações foram elaborados especialmente para você e para uma recuperação mais rápida. Saúde sempre!

RECEITAS AUXILIARES

IOGURTE BATIDO COM FRUTAS:

Ingredientes:

  • Iogurte natural desnatado;
  • 8 unidades M de morango;
  • 3 cubos de gelo;
  • Adoçante caso seja necessário: usar Stévia ou Sucralose (usar apenas 3 gotas)

Observação: Se o morango estiver maduro não há necessidade em estar usando o adoçante.

Modo de Preparo:

  • Bater todos os ingredientes no liquidificador e consumir de imediato.

Observação: O morango poderá ser substituído por pêssego (in natura) ou maçã ou banana prata.

MILK SHAKE DE COCO

Ingredientes:

  • 4 bolas de sorvete de creme a base de iogurte;
  • 50 ml (copinho descartável de café) de leite desnatado;
  • 2 colheres de sopa de leite de coco;
  • 5 cubos de gelo

Modo de Preparo:

  • Bater tudo no liquidificador.

Observação: o leite de coco poderá ser substituído por morango e uma colher de sopa de leite condensado ou ainda por 3 quadradinhos pequenos de chocolate meio amargo (pelo menos 65% cacau).

SUCO DE MANGA

Ingredientes:

  • ½ unidade M de manga madura;
  • 1 unidade  M de maçã sem casca;
  • 1 copo de água gelada;
  • 1 colher de sopa de nutridrink sem sabor;
  • 3 cubos de gelo.

Modo de Preparo:

  • Bater tudo no liquidificador.

Observação: a maçã poderá ser substituída por uma pera sem casca ou meia unidade M de cenoura.

CALDINHO DE FEIJÃO NUTRITIVO

Ingredientes:

  • Feijão cozido (deixar o feijão de remolho de um dia pro outro, desprezar a água do remolho e cozinhar em nova água);
  • Carne magra (patinho, alcatra ou músculo) ou frango (sem pele e osso – dar preferência ao peito de frango);
  • Temperos á gosto: (alho, cebola, cebolinha, salsa, louro).

Modo de Preparo:

  • Cozinhar o feijão com 1 pedaço de carne ou frango;
  • Temperar com os temperos que gostar, porém sem exageros;
  • Reserve e deixe esfriar por 30-40 minutos.
  • Após esfriar, coloque 200ml do caldo de feijão no liquidificador, bater junto com 1 pedaço de carne muito cozida;
  • Coe com o auxilio de uma peneira;
  • Consuma em seguida.

SOPA DE LEGUMES

Ingredientes:

  • 2 unidades M de batata salsa;
  • 1 unidade M de cenoura;
  • 1 unidade M de chuchu;
  • 2 dentes M de alho;
  • ½ unidade de cebola;
  • Salsinha a gusto (pelo menos dois galinhos);
  • 1 litro de água;
  • 1 pitadinha de sal (1/3 colher de café);
  • 1 unidade M de peito de frango (~100g) ou de carne magra (~100g) – patinho, alcatra ou músculo.

Modo de Preparo:

  • Em uma panela, coloque a cebola para dourar em um fio de óleo (~1 colher de sopa);
  • Após dourar, acrescente o alho, a carne ou o frango e deixe fritar;
  • Aos poucos vá adicionando um pouquinho de água para que a carne não fique cura (~ ½ copo americano);
  • Acrescente os legumes para que possam gratinar levemente;
  • Acrescente 1 litro de água e deixe cozinhar os legumes;
  • Acrescente a salsinha e a pitada de sal. Observação: não colocar mais que 2 pitadinhas de sal.
  • Deixe esfriar;
  • Bata n o liquidificador e coe com o auxilio de uma peneira;
  • Sirva e seguida o caldo.

BENEFÍCIOS NO PÓS OPERATÓRIO

Tipos de Alimentos Fontes Justificativa de Uso
Ricos em Proteína Carne bovina magra, ovos, peixes, gelatina, leite e derivados Auxiliam na formação de tecido que será necessário para a cicatrização da ferida pós operatória.
Ricos em Ômega-3 Sardinha, salmão, atum ou sementes de chia Reduzem a inflamação facilitand a cicatrização.
Ricos em Vitamina K Brócolis, aspargo ou espinafre Auxiliam na coagulação parando a hemorragia e facilitando a cicatrização.
Ricos em Ferro Fígado, gema de ovo, grão de bico, ervilha ou lentilha Ajudam a manter as células do sangue saudáveis, que são importantes para levar nutrientes ao local da ferida.
Ricos em Valina Soja, castanha-do-para, cevada ou berinjela Melhoram a qualidade de regeneração dos tecidos.
Ricos em Vitamina E Sementes de girasol, avelã ou amendoim Melhora a qualidade da pele formada pós cirurgia.
Ricos em Vitamina A Cenoura, tomate, manga, beterraba, batata-doce cozida, ameixa, mamão papaia Importantes para evitar a inflamação da pele.

Se você quiser saber mais sobre alimentação, veja aqui os cursos de nutrição, onde terá informações mais ricas sobre o que você pode ou não consumir no pós operatório.

Avatar photo
Dr. Ulbiramar Correia

Ortopedista especialista em joelho [CRM/GO: 11552 | SBOT: 12166 | RQE: 7240]. Membro titular da SBCJ (sociedade brasileira de cirurgia do joelho), SBRATE (sociedade brasileira de artroscopia e trauma esportivo) e da SBOT(sociedade brasileira de ortopedia e traumatologia).