Tratamento da Lesão de Menisco em Goiânia: Onde Fazer?

tratamento-lesao-menisco-goiania (1)

O joelho é uma articulação muito solicitada, sustenta o peso do corpo e deve se adaptar a situações que podem o lesionar, como atividades esportivas, movimentos repetitivos, etc.

E é comum aparecer dores no joelho, e a questão que se coloca é saber qual parte da articulação foi afetada. O menisco pode ser a causa dessas dores.

Se o problema for realmente no menisco, o ideal é não demorar e buscar logo um tratamento da lesão de menisco em Goiânia, sendo a solução para retomar às suas atividades mais rapidamente.

O que é lesão de menisco?

O joelho é a articulação mais volumosa do organismo, assegurando a junção entre os ossos da tíbia,rótula e fêmur.

Quanto aos meniscos (interno e externo), eles estão localizados de cada lado da rótula. São tecidos fibrocartilaginosos que desempenham o papel de estabilizador, amortecedor e lubrificador da articulação do joelho.

Além disso, eles impedem o joelho de sair de seu eixo.

Os meniscos são suscetíveis de sofrer uma lesão devido a um traumatismo violento, assim como em razão de microtraumatismos repetidos, principalmente no caso de uma atividade esportiva de forte impacto articular.

Com o tempo, os meniscos têm uma tendência a perder sua hidratação e a cartilagem tende a afinar.

O envelhecimento também pode tornar necessário um tratamento da lesão de menisco em Goiânia, pois os meniscos podem se desgastar ao longo do tempo.

Esses tipos de lesões são frequentemente o sinal do início de uma artrose de joelho.

A deterioração dos meniscos acaba afetando o conjunto da articulação do joelho e causa atritos entre as partes ósseas.

Quais os tipos de lesão de menisco?

O menisco pode sofrer uma lesão decorrente de movimentos violentos ou repetidos.

Existem diferentes tipos de lesões meniscais, que se manifestam por sintomas facilmente identificáveis:

Lesões degenerativas

Os microtraumatismos repetidos ao longo do tempo podem ser responsáveis por uma lesão de menisco.

Com o avançar da idade, observa-se um desgaste progressivo do menisco, que é frequente em idosos, mas também em pessoas que apresentam algum tipo de anomalia.

A artrose também favorece a degeneração do menisco, assim como todas as profissões que envolvam esforços ou o levantamento de peso na posição ajoelhada.

Enfim, os esportistas de alto desempenho têm um risco mais alto que a população em geral de sofrer lesões degenerativas dos meniscos.

Lesões traumáticas

Existem diferentes lesões de menisco de origem traumática, e o que ouvimos com mais frequência é uma fissura do menisco.

As lesões traumáticas do menisco afetam geralmente pessoas jovens e esportistas. 

Elas resultam de movimentos inadequados da articulação do joelho que “torce” no momento de uma queda, lesão de ligamento, etc.

Quais os sintomas de uma lesão de menisco?

Os sintomas de uma lesão de menisco variam de pessoa para pessoa e dependem do menisco atingido, bem como do tipo de lesão.

No entanto, os sintomas mais comuns incluem:

  • Dificuldade de extensão do joelho, com impossibilidade do paciente estender completamente seu joelho;
  • Dores localizadas do lado do joelho, persistentes ou mais ou menos intensas;
  • Dores intensas quando o joelho é colocado em extensão;
  • Inchaço da articulação do joelho;
  • Rigidez e bloqueio do joelho; 
  • Estalo com sensação temporária de instabilidade.

Esses sintomas, quando se tornam persistentes, afetam bastante o dia a dia do paciente.

Contrariamente ao que a maioria das pessoas pensa, não é o menisco que é doloroso, porque ele é desprovido de nervos.

A dor resulta, na realidade, da inflamação provocada pelo contato direto dos ossos uns com os outros.

Se você observar algum dos sintomas, recomenda-se consultar um médico para iniciar o tratamento da lesão de menisco em Goiânia.

Como é feito o diagnóstico da lesão de menisco?

Para diagnosticar uma potencial lesão meniscal, o ortopedista especialista em joelho fará um interrogatório detalhado a fim de determinar a causa das dores.

Em seguida, ele fará um exame clínico do joelho, avaliando sua mobilidade, e sinais de edema e derrame.

A palpação do joelho em flexão de 90% lhe permitirá observar uma dor pontual.

Para confirmar o diagnóstico, o médico poderá solicitar uma ressonância magnética, e o resultado vai mostrar o estágio da lesão e então orientar quanto ao tratamento da lesão de menisco em Goiânia.

Como é o tratamento da lesão de menisco?

Vídeo: Pós Operatório de Lesão do Menisco

Quando a lesão de menisco é estável e não afeta a mobilidade articular, o tratamento é o convencional.

Em um primeiro momento, recomenda-se fazer repouso, e se possível, usar uma tala.

Se a dor surgir ao longo de uma atividade física, é melhor interromper e limitar o apoio sobre a perna afetada.

Muitas vezes, o médico pode prescrever analgésicos e anti-inflamatórios para aliviar as dores.

Em caso de inchaço, a aplicação de gelo sobre o joelho vai ajudar a reduzir a inflamação.

Para algumas pessoas, sessões de fisioterapia podem ajudar bastante.

Agora, se a lesão aumentou ou se agravou ou a presença de outras patologias que deixam o joelho instável, a indicação é a cirurgia para menisco. 

Como é feita a cirurgia para menisco?

A cirurgia para menisco é realizada por artroscopia, ou seja, sem abrir a articulação.

Ela consiste em duas pequenas incisões de 5 mm na parte da frente do joelho.

Uma pequena câmera é então introduzida por uma dessas incisões para visualizar o conjunto da articulação, e principalmente a lesão do menisco.

Instrumentos são inseridos pela outra incisão para realizar o procedimento.

Se a lesão puder ser recuperada, uma sutura de menisco é realizada, o que permite manter a integralidade do menisco.

Um ou vários fios cirúrgicos são passados na lesão e amarrados entres eles para fechar a lesão nela mesma.

Contudo, se a lesão não tiver chance de se recuperar, a parte lesionada do menisco é retirada, pois ela não é mais funcional.

Como é o pós-operatório da cirurgia para menisco?

Vídeo pós-operatório da cirurgia para menisco

Os procedimentos pós-operatórios serão diferentes em função do procedimento.

No caso de uma sutura de menisco, é necessário o uso de muletas durante 4 semanas, a fim de aliviar o peso do corpo sobre o joelho.

Sessões de fisioterapia podem ser iniciadas após a intervenção, cujo objetivo é preservar a flexibilidade do joelho e manter a massa muscular.

Geralmente, as práticas esportivas são liberadas após o terceiro mês.

Já no caso de retirada do menisco, é necessário limitar os deslocamentos durante os 10 primeiros dias para evitar o inchaço do joelho.

Após a primeira semana, a fisioterapia pode começar, que consiste em recuperar a flexibilidade e a força muscular.

É fundamental seguir todas as orientações do médico, pois é o que garante o sucesso da cirurgia para menisco.

Quais são os riscos e complicações da cirurgia para menisco?

Além dos riscos comuns à toda cirurgia, alguns riscos específicos à cirurgia para menisco incluem:

  • Hematoma;
  • Infecção da articulação;
  • Flebite;
  • Rigidez articular;
  • Reações à anestesia.

Na maioria das vezes, o cirurgião explica ao paciente os possíveis riscos, principalmente se houver um histórico de outras doenças.

Quais os resultados esperados da cirurgia para menisco?

Independentemente de qual seja o procedimento, o desaparecimento dos bloqueios, inchaços e fenômenos de instabilidade, são percebidos logo após a cirurgia.

O resultado sobre a dor pode depender da existência de lesões cartilaginosas subjacentes, onde o uso de analgésicos pode ajudar.

A recuperação completa da mobilidade e da força muscular ocorre geralmente entre o segundo e terceiro mês.

Após a retirada do menisco, uma artrose pode se desenvolver a longo prazo, e isso em função da lesão de menisco inicial.

É importante conversar com o ortopedista especialista em joelho e tirar todas as suas dúvidas, seja em relação ao tratamento da lesão de menisco ou cirurgia.

Onde fazer tratamento da lesão de menisco em Goiânia? 

Para fazer o tratamento da lesão de menisco , é indispensável um ortopedista especialista em joelho, pois somente ele é capaz de avaliar a necessidade ou não da cirurgia.

O Dr. Ubiramar Correia é uma referência, profissional com expertise em várias condições médicas que podem acometer os joelhos, como doenças ósseas, artrose, instabilidade articular, ligamentos cruzados do joelho, próteses, instabilidade patelofemoral e tratamento de lesão de menisco.

Além de buscar a excelência técnica e seguir os melhores protocolos internacionais, seu foco é no atendimento individualizado e humanizado, e acompanhar o paciente até sua completa recuperação.

Posts recentes

Gostou do artigo? Compartilhe!

Share on pinterest
Pinterest
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Precisa de um especialista em Joelho?

Agende uma consulta agora

Dr. Ulbiramar Correia

Ortopedia, Traumatologia, Medicina Esportiva & Cirurgia de Joelho.

Dr. Ulbiramar Correia atua há mais de 10 anos em Goiânia e tem expertise em diversos tipos de cirurgia do joelho, como artroscopia, prótese do joelho e medicina esportiva. Em mais de uma década, trata as mais variadas condições médicas que podem acometer os joelhos, dentre elas doenças ósseas, traumatismo, instabilidade articular, luxação, luxação patelar, artrose, osteoartrite, doenças musculoesqueléticas, lesões da cartilagem articular, meniscos e de ligamentos cruzados do joelho.

Especialidades

LCA goiania

Cirurgia Ligamento Cruzado Anterior – LCA

O Ligamento Cruzado Anterior (LCA), um dos quatro principais ligamentos do joelho, é composto por um resistente “cordão” de tecido fibroso em formato de “x” que conecta o fêmur (osso da coxa) à tíbia (osso da perna). A principal função do LCA é dar estabilidade ao joelho no sentido de rotação, preservando, desse modo, estruturas internas como meniscos e cartilagens. O LCA é essencial para que as pessoas consigam realizar tarefas diárias como sair do carro, ocasião em que após colocar o pé no chão o indivíduo gira o corpo sobre o joelho. Lesões do LCA são frequentes em atletas

Leia mais
doencas-joelho-goiania

Doenças Musculoesqueléticas

O que são doenças musculoesqueléticas? Tendinite no joelho é uma delas Segundo o Centro de Dor e Neurocirurgia Funcional do Hospital 9 de Julho, de São Paulo, 90% da população sofre por causa de dores musculoesqueléticas, fato que leva 30% a faltar no trabalho. Essas dores, geralmente, podem ser sinais de doenças musculoesqueléticas, como tendinite no joelho, bursite, entesopatia, dentre outras. Se não tratadas, essas enfermidades podem comprometer a qualidade de vida e, em casos crônicos, levar à invalidez. Embora os números da pesquisa sejam significativos, boa parte da população não sabe como as doenças musculoesqueléticas se manifestam, nem o

Leia mais
osteoartite-joelho-goiania

Osteoartrite do Joelho

Osteoartrite? Consulte médico especialista em Joelho em Goiânia Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) mostram que a osteoartrite, também denominada de artrose, é a quarta doença que mais reduz a qualidade de vida para cada ano vivido. Ainda segundo a instituição, 80% dos indivíduos com osteoartrite possuem limitações de movimento e 25% não conseguem realizar atividades do dia a dia como caminhar ou subir escadas, por exemplo. Embora seja conhecida por afetar idosos com mais de 60 anos, pois tem caráter degenerativo, uma pesquisa da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) revela que 20% dos brasileiros na faixa

Leia mais
instabilidade-articular-joelho-goiania

Instabilidade Articular: causas, diagnóstico e tratamentos

Instabilidade articular? Vá ao médico especialista em Joelho Você já se desequilibrou andado ou sentiu dor carregando algo mais pesado? Acontece com frequência? Se sua resposta for sim, é hora de procurar avaliação de um médico especialista em Joelho, pois você pode estar sofrendo com instabilidade articular. Esse problema, que pode ter origem congênita (de nascença) ou adquirida, ocorre quando os ligamentos do joelho estão enfraquecidos e pode envolver outras estruturas como músculos, cartilagem articular e meniscos. Dentre os principais ligamentos do joelho estão: Ligamento Cruzado Anterior (LCA), Ligamento Colateral Lateral (LCL), Ligamento Colateral Medial (LCM) e Ligamento Cruzado Posterior

Leia mais
luxacao-joelho-goiania

Luxação do Joelho

Luxou o joelho? Consulte o médico especialista em Joelho em Goiânia Embora já tenha sido conhecida como uma entorse rara, cresceu consideravelmente nos últimos anos os casos de luxação do joelho no Brasil, isso se deve ao expressivo número de acidentes de trânsito, principalmente envolvendo motos, e a quantidade crescente de praticantes de exercícios físicos. Considerada uma das lesões mais graves, decorrente de trauma direto ou indireto, a luxação do joelho acontece quando existe desencaixe dos ossos da articulação e a ruptura de pelo menos 2 dos quatro principais ligamentos do Joelho – Ligamento Cruzado Anterior (LCA), Ligamento Colateral Medial

Leia mais
lesoes-joelho-goiania

Lesões do Joelho

Cartilagem articular e meniscos são afetados por lesões do joelho? O joelho, uma das maiores articulações do corpo humano, é composto pelo fêmur, tíbia e patela. Todos esses ossos são ligados por várias estruturas, como ligamentos, tendões, cartilagem e menisco. Por ser um membro bastante solicitado no dia a dia para diversas atividades cotidianas, o joelho é uma das áreas que mais sofre lesões diretas e indiretas. Rompimento do Ligamento Cruzado Anterior (LCA), condromalácia, tendinite, luxação patelar, lesão do menisco, rompimento do Ligamento Cruzado Posterior (LCP), dentre outras, são os principais traumas que acometem os joelhos. Detalhes sobre essas lesões

Leia mais

Venha até nós

Precisa de atendimento?

Fale Conosco