5 orientações pré operatórias feitas pela nutricionista Allyne Cancilieri

  1. Procurar um nutricionista capacitado para avaliar o estado nutricional e prescrever o que for necessário para fortalecer o sistema imunológico
  2. Facilitar a irrigação sanguínea, não obstruindo a paredes das artérias, excluindo da dieta as seguintes categorias de produtos alimentícios: refrigerantes, doces, cereais refinados, alimentos processados e também evitar excesso de colesterol e carne vermelha.
  3. Junto ao profissional, ver a quantidade necessária dos seguintes grupos alimentares: Frutas, hortaliças, aves, peixes, lácteos desnatados e óleos vegetais.
  4. Não ingerir bebidas alcoólicas. Estudos comprovam que mesmo moderadamente, está sujeito a gerar uma deficiência da vitamina B1 e do Zinco, que são altamente importantes na produção enzimática, que por sua vez, atribui funções orgânicas aos nutrientes como proteína, carboidratos e lipídeos.
  5. Não fumar. O tabagismo reduz a capacidade pulmonar, por onde o oxigênio necessário é distribuído para o corpo humano. As complicações pulmonares despontam entre todas as outras no pós-operatório.

Outras Orientações pré operatórias

Prefira:

  • Carboidratos complexos e cereais integrais: pães, biscoitos, arroz, macarrão, milho, inhame, mandioca, batata, etc.
  • Frutas e hortaliças da época.
  • Alimentos preparados com pouca gordura.
  • Alimentos fonte de vitamina C: abacaxi, laranja, limão, mexerica, acerola, morango, goiaba, maracujá, caju, manga, brócolis, couve, tomate, agrião, abóbora, vagem, pimentão, kiwi, tangerina e couve-flor.
  • Alimentos fonte de vitamina K: salsa, repolho, brócolis, couve e espinafre.
  • Alimentos proteicos: carnes em geral, leite e derivados, quinua e leguminosas (feijão, ervilha, vagem, lentilha, soja e derivados).
  • Consumir por 5-7 dias antes da cirurgia: Impact, Nutridrink Compact Protein, Nutren Just Protein.

Evite:

  • Alimentos e preparações gordurosas: creme de leite, leite de coco, maionese, manteiga, margarina, frituras em geral, massas folhadas, conservas em óleo, preparações sauté, biscoitos recheados, massas com molhos e recheios cremosos.
  • Carnes e derivados gordurosos: torresmo/ toucinho, pele de aves, peixes gordos (sardinha, arenque, salmão, atum), carne bovina gorda (cupim, filé mignon, contrafilé, lagarto), carne de porco, rabada, caldo de mocotó, salsicha, linguiça, bacon, presunto, mortadela, salames, feijoada, estrogonofe, empanados e molhos de carnes.
  • Sal, alimentos enlatados e outros alimentos industrializados ricos em sódio, como sopas, temperos e caldos concentrados de galinha, carne, bacon ou verduras.
  • Não consuma açúcar branco ou alimentos açucarados: geleias, gelatinas, balas, pudins, compotas, doces de frutas ou frutas em conserva, biscoitos, bolos, quitandas, sucos com açúcar, etc. Evite principalmente doces gordurosos, como chocolates, bombons, mousses, sorvetes, tortas e chantilly.
  • Chá-preto, chá-mate, café e refrigerantes à base de cola.

Conclusão

Uma alimentação saudável não tem que ser monótona! Os alimentos podem ser ingeridos ao natural, sob a forma de sucos e temperos ou em diversos tipos de preparações.

Todos os alimentos devem ser consumidos nas quantidades prescritas na dieta. Siga corretamente as orientações, OK? Em caso de dúvidas ou insatisfação retorne ao consultório. Não mude a prescrição por conta própria, pois as orientações foram elaboradas especialmente para você e para uma recuperação mais rápida.

Saúde sempre!!!

Avatar photo
Dr. Ulbiramar Correia

Ortopedista especialista em joelho [CRM/GO: 11552 | SBOT: 12166 | RQE: 7240]. Membro titular da SBCJ (sociedade brasileira de cirurgia do joelho), SBRATE (sociedade brasileira de artroscopia e trauma esportivo) e da SBOT(sociedade brasileira de ortopedia e traumatologia).